Home Notícias Leandro Bizzio Marinho apitará segunda decisão seguida de Paulistão

Leandro Bizzio Marinho apitará segunda decisão seguida de Paulistão

0

Nesta quinta-feira, a Federação Paulista de Futebol (FPF) decidiu que Leandro Bizzio Marinho será o árbitro da primeira final do Campeonato Paulista de 2018 entre Corinthians e Palmeiras. A partida está marcada para o sábado, dia 31, às 16h30, na Arena Corinthians.

Mais uma vez, o juiz apitará uma decisão de Paulistão. No ano passado, foi o árbitro no segundo jogo da final Corinthians e Ponte Preta, jogo este, que decretou o título a favor do Timão. O placar do jogo foi de 1 a 1, mas o Alvinegro de Parque São Jorge já havia vencido a ida em Campinas por 3 a 0.

Neste ano, Leandro Bizzio apitou apenas um jogo da equipe comandada por Fábio Carille, a derrota por 3 a 2 para o Bragantino, na partida de ida das quartas-de-final no Pacaembu. Não trabalhou em nenhum jogo do Alviverde Imponente nesta temporada.

Será o quarto clássico do Corinthians que o árbitro irá dirigir. O retrospecto é favorável ao Alvinegro. Foram três jogos, todos com triunfos corintianos, com algumas polêmicas, mas nada que interferisse nos resultados finais dos jogos.

Em 2013, apitou um São Paulo e Corinthians no Morumbi, pelo Paulista. Na época 2 a 1 para a equipe dirigida por Tite. Dois anos depois, comandou mais uma vez o Majestoso, com outra vitória corintiana. No ano passado, esteve no Clássico Alvinegro pelo Paulistão, 1 a 0 Corinthians, gol marcado por Jô contra o Santos.

No mesmo ano, dirigiu o único clássico do Palmeiras em toda a sua carreira. Um empate sem gols diante do São Paulo, no Morumbi. Na época, o Verdão era dirigido por Gilson Kleina. Ao todo, foram oito jogos, com cinco vitórias alviverdes, um empate e duas derrotas.

No total, este será o décimo jogo que Leandro Bizzio Marinho apitará do Corinthians. Foram seis vitórias do Timão, três empates e duas derrotas. Marcou apenas um pênalti a favor da equipe, que foi em 2013, de Rogério Ceni em Alexandre Pato. Distribuiu 20 cartões amarelos e dois vermelhos.

Fonte: Gazeta Esportiva

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here