Crédito da foto: FOX Sports

As duas primeiras passagens de Luiz Felipe Scolari pelo Palmeiras foram marcadas pelas conquistas de títulos importantes para o clube. No entanto, segundo Paulo Vinicius Coelho, comentarista dos canais FOX Sports, um acontecimento poderia mudado o rumo do Alviverde no final dos anos 90.

Durante o programa Expediente Futebol, PVC relembrou um atrito entre Felipão e um repórter que quase gerou a demissão do treinador campeão da Libertadores. “Era antevéspera de um Palmeiras e São Paulo no Morumbi, que o Denilson acabou com o Arce. O São Paulo eliminou o Palmeiras na semifinal do campeonato paulista de 98, e foi para a final contra o Corinthians. Dois dias antes do clássico contra o São Paulo, teve um treino em Barueri que teve um entreveiro do Felipao com o Gilvan Ribeiro, o repórter, e ele esteve muito perto de cair”, contou o comentarista.

PVC completou, revelando o fator que impediu a queda do treinador. “O Angioni conta essa historia, que o Mustafa chegou a chamar ele para uma reunião na Parmalat. E o Mustafa ligou e marcou uma reunião com o Angioni, e o Angioni chegou na sala, o Mustafa já estava, eles ficaram esperando o Gianni Grisendi, que era presidente da Parmalat. E o Grisendi não chegou. E o recado era que era para demitir o Felipao. E como não tinha o aval da Parmalat, não demitiu”, afirmou.

O comentarista lembrou que, pouco tempo depois, Felipão comandou o Palmeiras para o título da Copa do Brasil. No ano seguinte, da Libertadores. “Isso foi abril, em maio ou junho o Palmeiras foi campeão da Copa do Brasil, e o Felipao ficou. O Felipao ia cair ali, estava muito perto de cair naquele episodio. E foi campeão da Libertadores por que ficou”, comentou PVC.

Fonte: FOX Sports