Carlos Eduardo tira a paciência dos palmeirenses. E de Felipão também
Carlos Eduardo tira a paciência dos palmeirenses. E de Felipão também

O técnico Felipão, da SE Palmeiras, concede entrevista coletiva, após treinamento, na Academia de Futebol.

O atacante Carlos Eduardo ganhou mais uma boa chance para mostrar seu futebol. Foi escalado como titular e iniciou a partida contra a Ferroviária. Porém não conseguiu ter bom desempenho e foi muito criticado pela torcida alviverde nas redes sociais.

Dois lances foram cruciais para as críticas começarem. Uma bola lançada por Felipe Melo que não teve domínio e uma cabeçada sem marcação, dentro da área, sem direção. Dudu recuperou bola pela esquerda e colocou na cabeça de Carlos Eduardo, que perdeu. A torcida, neste momento, vaiou o jogador. No intervalo, Felipão optou por colocar Felipe Pires para tentar mudar o panorama da partida.

A diretoria apostou na contratação após pedido do treinador. Foram gastos R$ 14 milhões no negócio. Antes das conversas, os palmeirenses pediram o retorno de Keno, parceiro de Carlos Eduardo no Pyramids, do Egito. O diálogo não evoluiu.