Palmeiras volta de Belo Horizonte com tabu de 12 anos quebrado   Gazeta Esportiva
Palmeiras volta de Belo Horizonte com tabu de 12 anos quebrado Gazeta Esportiva

Em mais uma atuação segura, o Palmeiras ganhou do Atlético-MG por 2 a 0 na tarde de domingo, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O triunfo sobre o time mineiro, alcançado no Estádio do Mineirão, encerrou um longo e incômodo tabu de 12 anos para a equipe alviverde.

Pelo Campeonato Brasileiro de 2007, com gols marcados pelo meio-campista Martinez, o Palmeiras ganhou do Atlético-MG em Belo Horizonte por 2 a 1. Desde então, o time alviverde amargou uma sequência de quatro derrotas e cinco empates nos domínios do adversário.

“O Palmeiras não ganhava do Atlético-MG em Minas há 12 anos. A gente está feliz por fazer um grande jogo, mais um sem levar gols, e isso facilita o trabalho para que possamos ganhar”, disse o zagueiro Luan. “Vencemos o então líder do campeonato e sabemos como é difícil ganhar aqui”, acrescentou.

O Palmeiras não conseguiu quebrar o tabu contra o Atlético-MG nem mesmo em suas duas recentes campanhas vitoriosas no Campeonato Brasileiro. Nas edições de 2016 e 2018 do torneio nacional, houve empate por 1 a 1 entre os clubes em dois jogos disputados no Estádio Independência.

Além de quebrar o incômodo tabu contra o Atlético-MG, o triunfo serviu para o Palmeiras estabelecer seu novo recorde de partidas consecutivas sem derrota no Campeonato Brasileiro. O time de Felipão não perde há 27 jogos (20 vitórias e sete empates), feito inédito na história do clube.

Pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro, o Palmeiras entra em campo para enfrentar o Santos às 19 horas (de Brasília) de sábado, no Estádio do Pacaembu. O confronto vale a liderança isolada, já que os dois rivais têm os mesmos 10 pontos ganhos em quatro partidas.